Atlântida: Princípio e fim da grande tragédia

Atlântida: Princípio e fim da grande tragédia

Disponível: Sem estoque

Autor: Roselis Von Sass

Livro Usado

Então aconteceu o fenômeno abalador do mundo. Uma estrela - ou era uma pequena lua - lançou-se sobre a Terra, soterrando até o último pedaço desse país e o último pico de montanha: a Atlântida não mais existia. Desaparecera da Terra em um dia e uma noite.
saiba mais
Descrição

Detalhes

Desde que Platão, no célebre diálogo 'Timeu', mencionou a Atlântida, cientistas do mundo inteiro dedicam-se ao enigma desse continente desaparecido.

O presente livro focaliza os últimos 50 anos desse país com seus habitantes, o orgulhoso povo dos atlantes.

Atlântida, o maravilhoso reino verde e florido, numa época já não compreendida pelos seres humanos atuais, onde animais e pessoas coexistiam pacificamente... Os dragões voadores, hoje relegados a contos de fadas, realmente existiam na Atlântida e faziam voos com seus amos...

Gurnemanz, o sábio mentor espiritual de todo o reino, que advertia o povo, exortando-o a deixar o país...

A Atlântida havia chegado ao ponto em que uma mudança radical se fazia necessária, com tudo o que nela habitava. Todos os seres humanos podiam escapar desse cataclismo, pois foram advertidos com muita antecedência. Contudo, a indolência espiritual e o desvio do caminho prescrito pelas leis divinas fizeram com que uma grande parte do povo sucumbisse nessa transformação gigantesca, preparada e executada pelos enteais, os fiéis servidores de Deus.

Não houve injustiça, e sim o cumprimento rigoroso das leis eternas que regem o Universo. Os seres humanos receberam, segundo a lei da reciprocidade, aquilo que haviam determinado com seu livre-arbítrio.
Comentários
Informações Adicionais
Livro USADO. Texto, gravuras e fotografias íntegros. 

Formato 21 x 14 cm

Editora Ordem do Graal na Terra, 6ª Edição, 1997

170 páginas