As Línguas do Mundo

As Línguas do Mundo

Disponível: Sem estoque

Autor: Charles Berlitz

Livro Usado

Esse livro seria um exame de como a linguagem vem afetando os povos do mundo ao longo de toda a história e hoje mais do que nunca. Examinaria o conflito entre as línguas no mundo atual e a possibilidade de uma língua universal para a era do espaço.
saiba mais
Descrição

Detalhes

Meu avô era M. D. Berlitz, linguista que dominava cinquenta e oito idiomas e que inventou um sistema incomparável para o ensino de línguas. Quando comecei a falar, aprendi quatro idiomas diferentes ao mesmo tempo, e cada membro da família dirigia-se a mim exclusivamente num deles. Com idade tão tenra, não percebia que se tratavam de idiomas mundiais, mas achava que eram apenas maneiras diferentes de as pessoas se expressarem, o que, quando se examina a questão, é uma boa maneira de definir linguagem. Desde então já aprendi cerca de duas dúzias de outros idiomas, por meio do estudo das línguas, da pesquisa, do ensino, das viagens, de residir em diversos países e de escrever livros para o ensino de línguas.

Ocorreu-me muitas vezes, durante minha carreira como linguista, que alguém deveria escrever um livro sobre as línguas, não exclusivamente para ensinar uma delas, mas para apresentar uma série de fatos e incidentes informativos que ilustrassem a influência da linguagem sobre a diplomacia e a guerra, o mistério de suas origens e as circunstâncias que cercam sua difusão e seu retrocesso. Um livro assim abordaria costumes linguísticos curiosos, inclusive as palavras a respeito do amor, e até mesma os insultos e epítetos, coincidências sonoras inusitadas e atalhos linguísticos como, por exemplo, o caso de uma pessoa que fala inglês já ter conhecimento de milhares de palavras estrangeiras, embora possa não se dar conta disso.
Esse livro seria um exame de como a linguagem vem afetando os povos do mundo ao longo de toda a história e hoje mais do que nunca. Examinaria o conflito entre as línguas no mundo atual e a possibilidade de uma língua universal para a era do espaço.

Uma vez que já escrevi muito sobre os grandes mistérios do mar, tais como o Triângulo das Bermudas e a Atlântida, tem-me sido perguntado como meu estudo das línguas se coaduna com o elemento de mistério. Minha resposta é que as línguas constituem um dos maiores mistérios do mundo — como se originaram, como se difundiram por todo o mundo, como são tão diversas e como a escrita se desenvolveu a partir de imagens e da contagem até se transformar no alfabeto e nas mais de quatrocentas escritas utilizadas no mundo. Pois a linguagem, reforçada e imortalizada por meio da escrita, constitui o mais importante desenvolvimento no progresso da espécie humana, conduzindo-a do barbarismo do grupo familiar, não muito diverso dos agrupamentos animais, a seu presente domínio sobre a terra e a seu impulso voltado à exploração do cosmo.

As palavras estrangeiras não o são para aqueles que as falam. Cada grupo linguístico possui uma visão distinta do resto do mundo. Quando penetramos nesse modo de pensar diverso, acrescentamos uma outra dimensão à nossa personalidade. No mundo ilhado em que vivemos, é cada vez mais importante que compreendamos as culturas e as línguas de nossos vizinhos e, com isso, seu modo de pensar. As oportunidades de que dispomos para realizar isso são muito maiores do que antes, embora talvez já não disponhamos de tanto tempo. Devemos a nós mesmos — à nossa própria sobrevivência — adquirir familiaridade com as línguas e, portanto, com o ponto de vista cultural de nossos vizinhos no planeta Terra.

Comentários
Sumário
Prefácio  9

1.   Existem 2 796 línguas no mundo   11

2. Como surgiram as línguas  18

3. Como as línguas se difundem e entram em declínio  21

4. 1066 e a invasão francesa do inglês   29

5. Como transformar milhares de palavras inglesas em francesas, espanholas, italianas, alemãs, portuguesas ou holandesas  33

6. Língua, género e sexo  39

7. Incidentes linguísticos que mudaram a história 46

8. Gritos de guerra, conquista, desafio ou oração 53

9.   Palavras de amor e apreço 58

10.   Insultos e profanações no mundo todo 62

11. Ofensas étnicas e suas origens relativamente inocentes 67

12. Sons iguais — significados diferentes 73

13. Sobrevivência das línguas e por meio das línguas 79

14.   Estalidos, assobios, gestos e escalas musicais  90

15. Contando — dedos dos pés e das mãos, e computadores  98

16. Nosso misterioso alfabeto   108

17.   Uma escrita asiática de sutileza e humor 117

18. Linguagens perdidas — e reencontradas  122

19   Frequência de palavras e algumas surpresas  133

20.   Alguns nomes evocativos de animais   137

21. Os animais possuem linguagem? 140

22. Traduções pouco diplomáticas 147

23. O que está no nome: lugares 152

24. O que está no nome: pessoas 162

25.   A visão da tribo   173

26. Houve outros antes de Colombo  180

27.   A cor local dos provérbios   190

28. Os níveis de polidez 197

29.   Alo e adeus   206

30. O mais curto livro de frases do mundo no maior número
de línguas   211

31. Origens curiosas e significados cambiantes   222

32.   Palíndromos, palavras sem pausa, trava-línguas e trocadilhos históricos   232

33. A linguagem da revolução  238

34. Códigos militares e enganos linguísticos   248

35. Linguagens secretas, crime e gíria 255

36. Línguas no espaço  264

37. Inglês versus americano   270

38. A exportação de palavras inglesas   275

39. Algum dia. uma língua mundial 283

Agradecimentos   297

índice remissivo   299

O autor e sua obra   307
Informações Adicionais
Livro USADO. Textos e fotos Integros.

Formato 21 x 14 cm

Editora Circulo do Livro, 1ª Edição, 1992

307 páginas