O Mago

O Mago

Disponível: Em estoque

Autor: Fernando Morais
R$30,90
Icone Calcular Frete Loading
PrazoValor

Livro Usado

A incrível história de Paulo Coelho, o menino que nasceu morto, flertou com o suicídio, sofreu em manicômios, mergulhou nas drogas, experimentou diversas formas de sexo, encontrou-se com o diabo, foi preso pela ditadura, ajudou a revolucionar o rock brasi
saiba mais
Descrição

Detalhes

A história de Paulo Coelho, o menino que nasceu morto, flertou com o suicídio, sofreu em manicômios, mergulhou nas drogas, experimentou diversas formas de sexo, encontrou-se com o diabo, foi preso pela ditadura, ajudou a revolucionar o rock brasileiro, redescobriu a fé e se transformou em um dos escritores mais lidos do mundo. 

Fernando Morais volta sua verve investigativa para o personagem brasileiro que se converteu em mito - Paulo Coelho - um escritor que alcançou a marca de 100 milhões de livros vendidos e a façanha de ser o autor vivo mais traduzido de todo o planeta.
Comentários
Sumário
1. É um pássaro? É um avião? Não, é o popstar Paulo Coelho, o escritor que já vendeu mais de cem milhões de livros, 11
2. Aos onze anos, uma lição de vida: se vai doer, enfrente o problema logo, porque pelo menos a dor acaba, 63
3. A mãe o demove do sonho de ser escritor: 'Meu filho, só existe um Jorge Amado', 80
4. Cadinhos grita, apavorado: 'Toca, Paulo! Toca! Foge daqui, porque você matou o menino!', 105
5. Para saciar o anjo da morte, Paulo degola uma cabra do vizinho, cobrindo de sangue a parede de casa, 126
6. Paulo apedreja a própria casa e sonha que está sendo levado de novo para o hospício: o problema é que não era sonho, 143
7. Fragmentos da 'Balada do Cárcere de Repouso' [inspirada em Oscar Wilde], 162
8. Amarrado à cama, o corpo de Paulo treme a cada volta da manivela: vão começar os eletrochoques, 17}
9. Após a terceira experiência com homens, Paulo se convence: não sou homossexual, 192
10. O major ameaça: se você estiver mentindo, vou arrancar seu olho para forada órbita e mastigá-lo, 213
11. 'A droga é para mim o mesmo que a metralhadora é para os comunistas e guerrilheiros', 232
12. Em New York, o espanto da namorada americana: 'Paulo, você tem aquilo quadrado!', 252
13. 'O governo tortura e eu tenho medo da tortura, tenho medo da dor. Meu coração está batendo depressa demais', 266
14. Como prova de boa-fé, Paulo promete ao Demónio não pronunciar nomes de santos nem rezar por seis meses, 284
15. Paulo Coelho não existe mais. Ele agora é Luz Eterna (ou Staars), nome mágico que escolheu para cultuar Satã, 298
16. Paulo escapa do Demónio e dos policiais do Dops, mas cai num lugar pior que o inferno: o DOI-Codi, 318
17. Paulo sai das catacumbas jurando vencer o medo com a fé e derrotar o ódio com o amor, 33}
18. A sra. Paulo Coelho impõe limites: até um fuminho, tudo bem. Mas nada das tais extravagâncias sexuais, 352
19. 'Em Londres caíram por terra todas as chances de um dia eu ser um escritor mundialmente famoso', 371
20. Paulo perde o interesse por sexo, dinheiro, cinema. Não tem ânimo sequer para escrever, 399
21. Um facho de luz brilha no campo de concentração de Dachau: Paulo vive sua primeira epifania, 415
22. Toninho Buda quer relançar a Sociedade Alternativa explodindo a cabeça do Cristo Redentor, 429
23. Paalo percorre o Caminho de Santiago mas continua infeliz. Faltava escrever o sonhado livro, 453
24. 'Meu Deus! Por que não liga um jornalista dizendo que gostou do meu livro?', 469
25. Com o sucesso de 'Brida', a crítica sai da toca: vai começar o esquartejamento público de Paulo Coelho, 488
26. A febre prevista por Mônica atravessa o oceano e ataca leitores na França, na Austrália e nos Estados Unidos, 506
27. O governo brasileiro exclui Paulo da caravana de escritores que vai à França, mas Chirac o recebe de braços abertos, 527
28. Mujehadins de Bin Laden e marines americanos têm um gosto em comum: os livros de Paulo Coelho, Í48
29. Paulo vai de casaca ao banquete no Palácio de Buckingham - como convidado da rainha, não de Lula, 572
30. À sombra de um Airbus A380, Paulo faz a pergunta sem resposta: 'Quanto tempo levará para meus livros serem esquecidos?, 592

Paulo Coelho em números, 611 
Entrevistados, 615 
Este livro, 617
Informações Adicionais
Livro USADO.  Texto, gravuras e fotografias íntegros. 

Formato 23 x 16 cm

Editora Planeta, 1ª Edição, 2008

630 páginas