Humanóides Extraterrestres

Humanóides Extraterrestres

Disponível: Em estoque

Autor: Henry Durrant
R$26,90
Icone Calcular Frete Loading
PrazoValor

Livro Usado

Você descobrirá que as coisas são complentamente diferentes depois de ter acabado de ler esta fascinante investigação sobre os humanóides extraterrestres.
saiba mais
Descrição

Detalhes

Em seu livro anterior sobre os OVNIs, Henry Durrant reuniu provas irrefutáveis da materialidade tangível daquilo que se chama comumente de 'disco voadores'. O fenômeno OVNI (discutível) tornou-se a realidade OVNI (indiscutível).

Na presente obra, o autor responde à questão muito natural: quem pilota (ou telecomanda) os OVNIs? Porque, na verdade, existe uma ou mais inteligência de origem urainiana, isto é, celeste, que se manifestam em nosso céu e no nosso planeta por meio dos OVNI e por seres de estrutura geralmente humanóide.

Os diferentes tipos de uranianos vão desde o 'homem' normalemnte constituído e, freqüentemente, bastante, até ao robô de aspecto metálico e inteiramente mecanizado, passando pelos anões e ciclopes, sem esquecer os organismos biológicos mais ou menos cibernetizados.

Você tem certeza que nunca encontrou um ser 'extraterrestre', que nunca esteve ao lado, mesmo sem o saber, de um uraniano? Você descobrirá que as coisas são complentamente diferentes depois de ter acabado de ler esta fascinante investigação sobre os humanóides extraterrestres.

Comentários
Sumário
ADVERTÊNCIA, é preferível não omitirmos se queremos compreender a sequência ou como e por que este livro foi redigido. O 'pequeno homem verde', sua definição, seu nome.................................... 13

PRIMEIRA PARTE 
OS FATOS

Capitulo Preliminar: HÁ INTELIGÊNCIA? - ou como ligar a realidade material d*os OVNIs à realidade material dos Uranianos?................................... 21

Capítulo I: TRÊS CLÁSSICOS FRANCESES - os casos de Quarouble (1954). Valensole (1965), Cussac (1967), suas análises e comentários......................... 31

Capiíulo II: BREVE ESTUDO SOBRE COMPORTAMENTOS
- onde se passa da timidez à agressividade sem que haja temor ou vontade maléfica para tanto................     43

Anexo ao Capitulo II: — ou comentários de certos autores sobre diferentes tipos de comportamento dos Uranianos, e sobre a boa utilização de armas do passado e do futuro.....     67

Capítulo III: PROCURE E ENCONTRARÁ - ou algumas respostas a questões que se podem fazer sobre a atividade dos Uranianos na superfície de nosso planeta. Levantamentos parciais à amostragem humana de minerais............     73

Capítulo IV: QUEM ESTÃO ELES ANALISANDO? - O caso Hill, o caso A.-V.-B., Pascagoula, ou como o interesse científico uraniano pode se manifestar com o mínimo de violência para com o ser humano. Possibilidades de despistagem por hipnose................................ 99

SEGUNDA PARTE
ANÁLISES

Capítulo V: CORPOS E ALMAS OU CORPOS SEM ALMAS?
- As leis do Vale. Os 'horizontes do fantástico', ou as conclusões (resumidas) de investigadores de Oklahoma. Uma mulher analisa de maneira bastante impulsiva o comportamento dos Uranianos.......................... 127

Capítulo VI: DADOS BIOMÉTRICOS - ou ate' onde um pesquisador espanhol pode prolongar-se em sua análise morfológica e do comportamento...................... 149

Capítulo VII: A COMUNICAÇÃO - De ruídos aquáticos a mugidos bovinos, ou as discussões do doutor Edwards a respeito do idioma uraniano....................... 159


TERCEIRA PARTE 
HIPÓTESES

Anexo   ao   Capitulo   V:    UMA  SIMPLES  QUESTÃO  DE SIMETRIA — que o fará pensar que os uranianos não sejam aquilo que pensamos. 'A propósito de qualquer ponto de interrogação' que se faça ironicamente.............. 165

Capítulo VIII: AS ORIGENS — ou quaisquer respostas à questão 'De onde vêm?' A hipótese de Charles-Noel Martin e a de Maurice de San............................ 179

Capítulo IX: BASES NA TERRA? 
- O monte Shasta, o triângulo das Bermudas, as bases submarinas, a Mongólia?..... 213

Capítulo X: CONTATOS? 
- Os fatos. As sete diferenças entre testemunhas contatadas. Uma revisão às análises do capítulo II. As hipóteses. Os tipos de contatos possíveis.. . Os seres típicos possíveis... Mas, jamais teremos um verdadeiro contato com um plasmóide estável inteligente?......... 219

CONCLUINDO: Acabamos de atingir um ponto do qual não podemos mais retroceder....................... 233

ADDENDUM: The Falkville Story ou Análise Militar de uma vaga.....................................   235

Obras e publicações citadas........................   259
Informações Adicionais
Livro Usado. Texto, gravuras e fotografias íntegros.

Formato 20 x 13 cm

Editora Hemus, 1ª Edição, 1980

262 páginas